A morte do Prince foi inesperada, envolta em mistério e cheia de fatos estranhos. Em suma, foi uma morte típica de Hollywood. O que aconteceu e por quê?

Prince era exatamente o oposto da maioria das estrelas pop de hoje: Ele era imensamente talentoso, completamente original, totalmente envolvido na criação artística e extremamente franco - especialmente contra a indústria da música. Mais do que estar em uma classe própria, ele estava em um mundo próprio, flutuando em uma bolha gigante roxa enquanto magistralmente tocava seu violão.

Prince não era apenas um cantor - ele era compositor, multi-instrumentista, produtor musical e ator. Ele estava bem ciente dos trabalhos da indústria da música e muitas vezes lutou batalhas amargas para preservar a integridade do seu trabalho, da sua imagem e seu legado.

Enquanto sua personalidade enigmática e excêntrica nunca deixou de surpreender os seus fãs, a descoberta de seu corpo sem vida dentro de um elevador deixou o mundo com um enigma final: O que aconteceu? Antes de olharmos para esta morte, vamos olhar para a sua carreira.


Franco

Prince passou toda a sua carreira lutando contra a tirania de sua gravadora que levaram a algumas explosões memoráveis. Em 1993, quando  feito um acordo com a Warner Bros que o deixou sem controle de seu trabalho e sem os avanços que foram prometidos, ele orquestrou uma rebelião que só Prince poderia pensar. Em um movimento desconcertante (e muitas vezes ridicularizado), Prince substituiu o nome com um símbolo impronunciável. As pessoas então tiveram que se referir a ele como "o artista anteriormente conhecido como Prince".

O símbolo do amor na capa seu álbum de 1993. Embora Prince nunca explicou plenamente o significado deste símbolo (que ele diz que "veio a ele durante a meditação"), pode-se facilmente discernir uma amálgama do símbolo "feminino" cruzado por um instrumento como uma trombeta como se fosse "masculino". Pode ser uma representação visual da sua persona musical andrógina

Embora este movimento foi amplamente mal compreendido pelo público (e pela mídia), Prince claramente explicou a razão por trás disso.
O primeiro passo que tomei em direção ao objetivo final da emancipação das cadeias que me ligam a Warner Bros. Era mudar o meu nome de Prince ao símbolo do amor. Prince é o nome que minha mãe me deu no nascimento. A Warner Bros. tomou o meu nome, a marca registrada dele, e usou-o como a ferramenta de marketing principal para promover todas as músicas que eu escrevi. A empresa possui o nome Prince e toda a música relacionada comercializada sob Prince. Eu me tornei uma mera marionete utilizada para produzir mais dinheiro para a Warner Bros...
Eu nasci Prince e não queria adotar outro nome convencional. O único substituto aceitável para o meu nome e minha identidade, era o símbolo do amor, um símbolo sem pronúncia, que é uma representação de mim e sobre o que minha música é. Este símbolo está presente em meu trabalho ao longo dos anos; é um conceito que tem evoluído a partir de minha frustração; é quem eu sou. É o meu nome. Michael Heatley, Where Were You… When the Music Played? 120 Unforgettable Moments in Music History.
Durante sua batalha legal com a Warner Bros, Prince apareceu em público com a palavra "Slave (escravo)" rabiscada em seu rosto.

Prince, com a palavra "Slave (escravo)" escrito em seu rosto no Rockefeller Plaza, em Nova Iorque, em 09 de julho de 1996

Prince também gostava de falar de questões impopulares, como chemtrails, religião e moralidade. Aqui está uma entrevista de 2009, onde ele falou sobre isso:


Vários anos mais tarde, Prince ainda estava falando sobre isso. Em 2015, ele comparou artistas a "servos contratados com pouco controle sobre como suas músicas são usadas". Em uma rara interação com a mídia, Prince declarou:
"Contratos de discos apenas são - Eu vou dizer a palavra - uma escravidão. Eu diria a qualquer jovem artista... não assine."
Prince disse essas palavras em agosto de 2015, em seu parque no Paisley Studios em Minneapolis. Menos de um ano depois, ele foi encontrado morto neste mesmo local.


Estranhas Circunstâncias em torno de sua Morte

Como é o caso de mortes inesperadas de celebridades, há muita informação, desinformação, rumores, boatos e relatos conflitantes flutuando. Aqui está uma soma rápida até de seus últimos dias. No momento da escrita deste artigo, a causa de sua morte é desconhecida ainda.
Em 7 de Abril, 2016, Prince adiou duas apresentações da Piano & A Microphone Tour, no Teatro Fox, em Atlanta; o local divulgou um comunicado dizendo que ele estava "lutando contra uma gripe". Ele remarcou o show de 14 de abril, embora ele ainda não se sentisse bem. Durante o vôo de volta para Minneapolis cedo na manhã seguinte, seu jato particular fez um pouso de emergência no Aeroporto Internacional de Quad City em Moline, Illinois, para que ele pudesse procurar tratamento médico. Representantes afirmaram que ele sofria de "má desidratação" e que estava lutando contra uma influenza durante várias semanas. Prince foi visto em público na noite seguinte, quando comprava no Electric Fetus em Minneapolis no Record Store Day, e fez uma breve aparição em uma festa de dança nos estúdios de Paisley Park em Chanhassen, Minnesota, afirmando que ele estava se sentindo bem.
Ele participou de uma apresentação do cantor Lizz Wright no Dakota Jazz Club em 19 de abril de 2016.
Em 21 de Abril, 2016, Prince foi encontrado inconsciente em um elevador no Paisley Park, que também serviu como sua casa Minnesota. Uma chamada para o 911 foi feita às 9:43 da manhã; ele não se recuperou através das equipes de emergência e foi declarado morto às 10:07. Ele tinha 57 anos de idade.
Embora supostamente estivesse "lutando contra a gripe", Prince estava ativo e saudável o suficiente para assistir a concertos e executar shows. As coisas tomaram um rumo misteriosa em 15 de abril, quando seu jato particular fez um pouso de emergência em Moline, Illinois - mesmo ele estando cerca de 40 minutos de seu destino final.

Segundo algumas fontes, Prince foi tratado por overdose.
Várias fontes em Moline nos disseram que Prince foi levado para um hospital e os médicos deram-lhe um “save shot"... normalmente administrado para neutralizar os efeitos de um opiáceo.
Nossas fontes ainda dizem que os médicos aconselharam Prince a ficar no hospital por 24 horas. Sua equipe exigiu uma sala privada, e quando eles foram informados de que não era possível... Prince e eles decidiram ir embora. O cantor saiu 3 horas depois de chegar e voltou para casa.
Estamos sendo informados que quando Prince deixou ele "não estava muito bem."
Sabemos que autoridades de Minnesota estão a tentar obter os registros hospitalares de Moline para ajudar a determinar a causa da morte.
Fizemos mais de uma dúzia de tentativas para chegar aos representantes de Prince para comentar o assunto, mas eles ficaram em silêncio. TMZ, Treated For a Drug Overdose Days Before Death
Curiosamente, cada vez que há uma morte estranha de uma celebridade, a palavra "overdose" é jogada quase que imediatamente na midia.

No dia seguinte a sair do Hospital, Prince apareceu em um concerto e um tanto profeticamente disse:
"Espere alguns dias antes de gastar suas orações."
No mesmo dia, um site de fofocas popular enigmaticamente anunciou que uma celebridade famosa Afro-Americana tinha AIDS.
O MediaTakeOut.com recebeu a notícia de que uma celebridade Afro-Americana muito popular - que esteve recentemente no noticiário - estaria com AIDS. Obviamente, uma vez que não se é capaz de confirmar 100% a história - vamos deixar isso seu nome de fora. Queremos deixar claro que não estamos falando sobre Magic Johnson.
Este relatório realmente machuca o nosso coração.
De acordo com uma pessoa extremamente perto da situação, a celebridade, que é conhecida por ter um passado sexual muito extremo teria contraído a doença em algum momento na década de 1990. Ele manteve a doença tranquila, mas começou a tomar a sua medicação religiosamente até cerca de dois anos atrás. Aqui está o que nos é dito por um insider do entretenimento muito confiável:
[A celebridade] acreditava que ele estava curado, e ele tinha algumas pessoas loucas [religiosas] que lhe disseram que Deus o curou. Então ele parou de tomar a medicação e a doença voltou. Os médicos dizem que ele está morrendo, e não há nada que alguém possa fazer sobre isso."
Estamos informados de que a celebridade é esperada a ficar mais e mais doente, e, eventualmente, morrer. Pode acontecer logo no verão. Mediatakeout.com, Insider Claims That A VERY POPULAR African-American Celebrity . . . Is Stricken With AIDS . . . Not HIV
Alguns dias mais tarde, Prince foi encontrado morto dentro de um elevador em seu estúdio.

Fato estranho: Uma das canções mais famosas de Prince é 'Let's Go Crazy'. Não ao contrário de grande parte de sua escrita, a letra desta canção pode ser rastreada até suas crenças cristãs, onde ele usa a palavra a "de-elevador (o elevador)" para se referir ao diabo. Ele canta:

E se o elevador tentar nos levar para baixo
Vá a loucura .. soque o piso superior!

E depois:

E quando nós morrermos, para onde tudo vai?
Melhor viver agora, antes que o cruel ceifeiro venha bater em sua porta
Me fale garota ..

Nós vamos deixar o elevador nós levar para baixo?
Oh não, vamos lá

Em um ambiente morbidamente simbólico, o corpo de Prince foi encontrado dentro de um elevador. Será que o "cruel ceifeiro do elevador" finalmente levou-o para baixo?

Uma grande quantidade de fatos precisam ser verificados e perguntas precisam ser respondidas. Uma coisa é certa: Quando as coisas parecem muito sombrias, a verdade muitas vezes, permanecerá escondida.


Simbolismo do Um Olho na capa do álbum de Selena Gomez com a banda The Scene

A mesma coisa na capa do álbum de Lisa Miskovsky, Violent Sky

O pianista Lang Lang fazendo o simbolismo do Um Olho em um photoshoot

Bollywood também está envolvido nisso. Aqui está a atriz Aishwarya Rai Bachan

As estrelas de Bollywood sobre o piso maçônico xadrez. Pode-se argumentar que o padrão do piso é puramente estético, mas um outro detalhe confirma a influência Maçônica da foto: a mão do cara dentro de seu colete, tal simbolismo é conhecido na Maçonaria como o "Sinal do Mestre do Segundo Véu"

Imagem maçônica sobre o Sinal do Mestre do Segundo Véu

Poster de um filme de Bollywood com o simbolismo do Um Olho

Simbolismo do Um Olho e do Mickey Mouse para o photoshoot da revista Danish

Hellen Mirren quase nua fazendo sutilmente no photoshoot o sinal dum Olho



O Ol’ Dirty Bastard era conhecido por seu estilo de rap exclusivo, que misturava o rap de Nova York com seu tio bêbado cantando Frank Sinatra as 1h14 da manhã. Enquanto se ouve o rapper, normalmente as pessoas ficam entre: "eu não tenho nenhuma idéia do que ele está falando" e "Eu sei exatamente o que ele está falando". No entanto, ele foi bastante claro sobre um assunto: O governo estava tentando matá-lo.

Na verdade, pouco antes de sua morte prematura em Novembro de 2004 (com a idade de 36 anos), o rapper repetidamente tentou avisar ao mundo que as pessoas em lugares altos foram atrás dele. Aqui está um vídeo (em inglês) compilando tudo o que ele falava sobre "o governo", (Aviso: linguagem com palavrões):


Enquanto muitos rejeitaram as advertências dele alegando que eram "divagações de um viciado em crack", uma coisa é certa: Ele foi, de fato fortemente monitorado pelo FBI. Usando o Freedom of Information Act, Rich Jones de Gun obteu o arquivo do FBI sobre o rapper e seu grupo, o Wu-Tang Clan.

Os arquivos de documentam a história do grupo, suas muitas atividades e os seus potenciais laços com o mundo do crime. Uma parte ele afirma:

"Os detetives têm documentado, em seus arquivos de caso, que o WTC [Wu-Tang Clan] está fortemente envolvido na venda de drogas, armas ilegais, posse de armas, assassinatos, roubos de carros, e outros tipos de crimes violentos..."

Aqui está todo o (mas fortemente editado) arquivo do FBI:


Então, desde 2013 esperamos respostas concretas, o que aconteceu com Ol' Dirty Bastard?


Tecnologia do Blogger.